Quinta-feira, 13 de Julho de 2006

Tu

Ah, se tu estivesses aqui neste momento...
Deixaria teus braços enlaçarem meu corpo,
tua boca vir de encontro à minha,
teus olhos me guiarem.

Seria tua da maneira que quisesses,
da maneira que desejasses.



Porque só tu és capaz de fazer sonhar,
tua imagem me enfeitiça.
Sou capaz de ceder a todas as suas
vontades sem questioná-las,
porque perto de ti
não sou dona de mim,
sou simplesmente tua.

                                                Tatiana V. Mattos

 

Escrito por Marisa às 11:45
Piacere | Vero? | Grazie
|
27 comentários:
De Lobaaaaaaaaaa a 15 de Julho de 2006 às 22:12
hummmmmmmmmmmm...

Beijos apertados.
De Marisa a 17 de Julho de 2006 às 09:11
Loba!
Dellicioso...
Baci.
De white angel a 15 de Julho de 2006 às 13:47
Olá olá...
Uma observação: já li este texto noutro blog e pensei que quem o escreveu fosse a pessoa a quem pertence o dito blog. Foi bom vir aqui e verificar que afinal o texto tem dona...
Enfim, gosto de saber quem escreve os textos e enerva-me quando outros os publicam como sendo seus...
Desculpa mas tinha de dizer isto...
Fizeste uma excelente escolha...
O que não se faz por Amor... TUDO... vai-se até ao fim do mundo e ao outro se for preciso...
Deixo beijos com muito carinho...
De Marisa a 17 de Julho de 2006 às 09:13
Hi Angel!
Pois é eu gosto muito de assinar os meus textos mas apenas quando são meus, o protagonismo com a inteligencia de outras pessoas não me agrada.
Quanto ao poema em si, pois ainda bem que estamos de acordo.
Baci per te.
De Cristal a 15 de Julho de 2006 às 11:26
Ah, se tu estivesses aqui neste momento....
Já ouvi isso mas não passou disso no caso
em questão.
Quanto ao grupo, sem duvida Keane, the best.
Beijinhos.
De Marisa a 17 de Julho de 2006 às 09:15
Cristal, linda!
As palavras só reconfortam, não mudam nada.
Mas espera pelo próximo 'Ah, se tu estivesses aqui neste momento', esse sim pode ser inesquecivel...
Os Keane, concordo!
Um beijo terno.
De Ca a 15 de Julho de 2006 às 06:44
Quando se gosta, gosta-se. O porquê não interessa... importa desfrutar enquanto dura!
A vida é o conjunto de momentos felizes com outros momentos que nem tanto...
Para ela ser dele, ele tem que conquistar a alma dela!
Gosto imenso dos poemas que colocas no teu blog.
Partilho do teu gosto.
Obrigada amiga, por o seres.
De Marisa a 17 de Julho de 2006 às 09:16
Olá amiga, que saudades de te sentir por cá...
É verdade a alma é a nossa maior dádiva...
Que bom que gostas querida, tambem o faço para ti!
Um beijo.
De MMCORREIA a 14 de Julho de 2006 às 17:59
Olá
A luz que ilumina a tua carne clareia a minha alma e incendeia o desejo eterno que sinto ao ver o corpo nu de uma bela mulher.
Alimento a minha volúpia nos teus seios sensacionais e deliciosos, matando a fome desta minha vida desregrada nesse seu corpo macio. Elimino a minha sede com o seu suor e com seu gozo, nos passeios que faço pelos vales profundos da sua carne quente, escandalosa e desejável.

MMCORREIA
De Marisa a 17 de Julho de 2006 às 09:17
Hummmm que luxúria, despertou-lhe os sentidos...
Grata pela visita, espero-o por cá...
Baci.
De Miguel a 14 de Julho de 2006 às 09:15
Entrega total, rendição...és tu ou só um sonho?
De Marisa a 14 de Julho de 2006 às 09:19
Ahahahahahahaha, que belo poema não é Miguel?
Os sonhos são a nossa continuação...
Baci per te.
De Miguel a 14 de Julho de 2006 às 09:38
Façamos da nossa vida um sonho então, sem medo de acordar.
De niki a 13 de Julho de 2006 às 20:54
"sou capaz de ceder a todas as tuas vontades sem questioná-las..."
onde é que já vi este filme...

gostei muito, texto maravilhoso...

e obrigada pela visita e comentário

beijinho
De Marisa a 14 de Julho de 2006 às 09:21
Olá Niki que óptima visita, piacere!
Pois é, ter esta grandeza de sermos de outro é coisa para grandes amantes...
Obrigada!
Baci per te.
De Dossier_de_argolas a 13 de Julho de 2006 às 17:58
pois...lá está...não me sai nada de peculiar hoje.
fico-me pelo trivial: bla, bla, bla, bla...(*)

4 beijos, que gosto de mudar de posição...

(*) conjunto de elogios trivialmente aplicaveis a uma poesia de Tatiana V.Mattos.
De Marisa a 14 de Julho de 2006 às 09:22
A sua peculiaridade, são estas visitas sempre fugazes e tão marcantes...
O trivial faz parte da vida, e gostando também eu de quebrar a monotonia deixo-lhe...
uma lambidela...
De Dossier_de_argolas a 14 de Julho de 2006 às 09:37
Essa da lambidela sim, é peculiar (para não falar do pouco monótona que é)! Não tanto por ela própria, mas pelas condições em que me chegou...
Pois veja lá, ía eu no autocarro (e ainda vou..), quando resolvi espreitá-la (e continuo a espreitar)...assim que se abre o ecrã do prazer (que continua aberto), vem de lá a sua lingua e lambe-me.
Está a ver o embaraçoso da questão?
Ainda para mais que, ao meu lado, neste mesmo autocarro onde ainda vou, ía sentada (que já não vai, como perceberá) uma velhinha que, em reacção ao movimento da sua lingua na minha direcção, me deu uma bengalada e fugiu!
O balanço desta peculiariedade saldou-se, pois, por uma valente lambidela e uma valente begalada (por esta ordem)...e também por um lugar vago ao meu lado (que continua vago, pois ninguem se atreve a ocupá-lo com receio de lambidelas).
Ou seja...terei que ter cuidado ao abrir o ecrã deste seu veropiacere em locais publicos.
E pronto. Só não lhe retibuo a lambidela, por receio do local onde poderá abrir este ecrã para responder...
Retorno a um beijo, que as práticas tradicionais não deixam de ser peculiares...
De Marisa a 14 de Julho de 2006 às 10:22
Aahahahaahah, boa viagem!
De crowe a 13 de Julho de 2006 às 14:08
Este post merece comentário... "não sou dona de mim, sou simplesmente tua." Abençoados o que assim se sentem e aqueles que assim os levam a sentir!
De Marisa a 13 de Julho de 2006 às 14:38
Olá...
Uma grandeza apenas para os mais afortunados... un vero piacere .
Como as tuas asas...
Baci .
De Pintelho Marciano a 13 de Julho de 2006 às 12:20
e é tão bom qd o sonho nos esgota...
De Marisa a 13 de Julho de 2006 às 12:29
É...
De Pintelho Marciano a 13 de Julho de 2006 às 14:33
...e a foto é soberba...
De Marisa a 13 de Julho de 2006 às 14:37
É...
De Pintelho Marciano a 13 de Julho de 2006 às 16:01
...conhece a modelo?..
De Marisa a 13 de Julho de 2006 às 16:08
Não... mas lamento-o profundamente...

Vero?

veropiacere@sapo.pt

Agosto 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Hummmm...

Sei lá...

Ciao

(...)

Ingenuidade

Viver...

Pretensão

Quando...

Kininha

Renascer…

Hoje não…

Recordar...

Agosto 2010

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

No Ar...

Piaceres...

Web Pages referring to this page
Link to this page and get a link back!

Entre!

pegadas